Aprenda como emagrecer a barriga de forma rápida, sem riscos de sofrer os efeitos sanfonas que geram ganhos de massa rápida.

Para emagrecer a barriga há uma regra essencial: Quanto menos gordura ao redor do abdômen, menor o risco de doenças cardíacas e diabetes.

Com poucas modificações de hábito, você pode obter uma barriga sequinha. Embora existam muitos fatores diferentes que influenciam a obtenção de uma barriguinha mais achatada, como hormônios e genética, sempre há um jeito para entrar em forma.

Com a finalidade de melhorar a saúde geral, alguns ajustes fáceis podem reduzir o inchaço. Dá para emagrecer com hábitos mais saudáveis ​​de longo prazo, sem recorrer a técnicas de dietas malucas.

Por onde começar para emagrecer a barriga?

Comer fibras, com calma. Adicionar muito rápido o excesso pode ter o efeito oposto.

Experimente consumir mais frutas, vegetais, legumes e grãos inteiros. Escolha cereais ricos em fibras ou aveia para o café da manhã. Faça lanches diários com frutas e vegetais à base de cenoura. Homus ou maçã com manteiga de nozes é uma delícia.

Uma boa ideia é consumir sementes de chia, abacate e framboesas congeladas para aumentar a ingestão diária de fibras.

O que fazer depois?

Procure reduzir o sódio a curto prazo. Tente consumir menos de 1.900mg por dia. Observe a ingestão de vegetais crucíferos como brócolis, couve-flor, couve e outros legumes.

Embora sejam uma escolha nutritiva, na maioria das vezes esses alimentos ricos em fibras podem causar alguns gases, dependendo de como você está hidratado (a) e de quanta fibra costuma comer.

Se sua meta é perder alguns quilos e melhorar a saúde geral coma alimentos mais saudáveis ​e pratique atividades diárias.

Quais mudanças de hábito fazer para emagrecer rápido?

Dormir mais cedo não apenas ajuda a evitar lanches noturnos. Perder uma noite inteira de descanso retarda o metabolismo do seu corpo e pode levar a níveis elevados de cortisol, armazenando mais gordura.

Se você quiser aumentar sua queima de calorias e manter os níveis de cortisol sob controle tente dormir de 7 a 8 horas por noite.

Estimule o metabolismo. Coma a cada três ou quatro horas. Isso deve incluir reservar tempo para o café da manhã. A pesquisa mostra que as pessoas que perdem uma refeição matinal experimentam um aumento de um hormônio relacionado à fome no final do dia.

Lanches regulares que incluem proteínas e carboidratos complexos cheios de fibras mantém o corpo satisfeito por longos períodos.

Busque sempre a melhor postura corporal. Se a postura é boa, você tonifica os músculos do estômago mesmo em repouso. Caso precise se lembrar de manter a posição ereta algumas notas adesivas devem resolver o problema.